Assim nascem os textos... Sem avisar... Bater na porta, ou mandar recados... Não se mostram, apenas chegam, e chegando não findam... São perenes, reais e eternos...

Por: Beth Brito

terça-feira, maio 25, 2010

Colados




...Encosta Amor,
Deita em meu ombro e descansa
Une dois cheiros num só
Enlaça meu corpo com força
Faz dos teus braços um nó.
..

Beth Brito
24/05/2010

6 comentários:

  1. Verso curto é um show... e os teus então!!

    beijosssssss minha gata!

    ResponderExcluir
  2. " Dizem que o amor,
    faz a gente sofrer
    sem meu grande amor
    Não poderei viver
    Se eu disser que sim
    E ele disser que não
    É uma parte perdida
    Que teve na vida
    Em meu coração..."

    O samba da Marisa que vc canta lindooooooo... Saudade de tu mulher!

    bjssssssss

    ResponderExcluir
  3. Congratulo-a pelo post. Excelente!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Fred, manda teu contato!

    bjs

    ResponderExcluir